sexta-feira, dezembro 12, 2008

Quinto Aniversário


Faz hoje precisamente cinco anos que os Quartos Escuros abriram as suas portas a quem neles achou por bem entrar, com maior ou menor regularidade. Esta página começou no dia 12 de Dezembro de 2003 com um breve poema de estrofe única, e a poesia tem com efeito sido o campo mais explorado ao longo deste tempo. Seguiram-se, anos fora, variadas rubricas, por entre fotografias legendadas, divulgação de escritas várias, passagens de livros, e até a descoberta arqueológica de composições proto-poéticas de uma civilização até então desconhecida. Reformularam-se ligações, registaram-se comentários e foram estes quartos paulatinamente adoptando algumas das incontáveis inovações que ao longo destes anos foram transformando o labor blogueiro. Para quem acha que isto soa a despedida, desiludam-se. É mais do género de eu a dar os merecidos parabéns a mim próprio. O último a juntar a sua à minha voz é um nabo. E já agora, a imagem reproduz uma colagem do artista Kevin Cherry.

6 comentários:

Beguinha disse...

Então o eu amigo, os seus quartos escurecidos e a poesia estão todos de Parabéns!

PreDatado disse...

Parabéns pelo quinto. Por acaso também ando por cá há esse tempo. Isto é giro não é?

An7ónio disse...

Notável, hã?
Parabéns, amigo.

Henri disse...

Saludos desde Chile. Están buenísimos, aparte, los textos que editó Joan Navarro en Alfa

visita mi blog:

http://henricksonbajofuego.blogspot.com

salud!

magarça disse...

Os mesus parabéns chegam com algum atraso, mas ainda venho a tempo de desejar um bom Natal!

Francisco Serra Lopes disse...

Desejos de "para bém", para ti e para nós que te lemos. E graças -como se diz em castelhano e cataläo (os computadores em "España" só têm til sobre o "n")- graças pelos bons poemas que tens partilhado e pelas belas traduçöes que saem na Alfa. Fiquei com vontade de emular o Joan Navarro e traduzir-te, caro amigo...
Um abraço